Telemóvel- Um eufemismo dos nossos dias

Nuno Rodrigues, formador do Curso de Mobile Marketing, está esta semana na rubrica “Marketing Academy” com o artigo “Telemóvel- Um eufemismo dos nossos dias”.

Chamar telemóvel ao equipamento que nos acompanha a todo o momento poderá ser considerado um eufemismo se pensarmos na quantidade de actividades diferentes que fazemos com ele.

Ora vejamos, inicialmente servia para fazer chamadas, logo depois juntaram-se as SMS, pouco depois as MMS e com a integração de dados os limites desapareceram. Hoje vamos ao banco, à loja, trocamos correspondência, vemos o tempo, encontramos os amigos nas redes sociais, lemos notícias, jogamos jogos, entretemos crianças, consultamos o mapa e o trânsito e, em alguns casos, até funciona como uma assistente muito profissional.

De momento ainda estamos longe da realidade representada no filme de Spike Jonze “Her” onde o sistema operativo mobile já é uma entidade com identidade, mas podemos contar com ele para gerir a nossa agenda, lembrar-nos das nossas tarefas e até sugerir os restaurantes próximos de acordo com as recomendações dos nossos amigos.

Esta pequena ferramenta tem vindo a ocupar um papel de destaque no nosso dia-a-dia de forma muito discreta e silenciosa. Num Estudo apresentado pela Google (Our Mobile Planet) 78% dos portugueses não saem de casa sem o seu companheiro e, curiosamente, 31% preferem ficar sem televisão do que sem telemóvel. Talvez porque embora tenha um ecrã mais pequeno também dá para ver televisão, 78% da amostra vê vídeos no telefone.

Hoje, segundo alguns dados disponibilizados, o telemóvel é utilizado em muitas e diversas situações como numa entrevista, num encontro amoroso, antes e durante uma refeição e, claro, na Casa de Banho. É curioso, mas há um mercado de aplicações preparadas para este momento específico que têm em conta que não podem demorar muito tempo a carregar e que o Jogo/Passatempo não deve ser muito longo.

Mas as transformações não se dão apenas ao nível da utilização de lazer, também no que respeita à mediação com o mundo, o telemóvel assume um papel de destaque no complemento de outros meios de comunicação. Com a intensidade do dia-a-dia e a necessidade de ritmo para manter o foco e o interesse, é comum ver a utilização de um telemóvel simultâneo com a televisão , rádio ou até mesmo com a leitura de um livro em que o leitor de minuto a minuto poisa o livro para olhar para o telemóvel.

Esta multi-tarefa está a apresentar-se como um desafio para os lojistas quando se vêm a ser comparados com lojas online em tempo real. Por exemplo, a Amazon permite que a partir de um código de barras tenhamos acesso aos detalhes do produto, preço e prazo de entrega, bem como às opiniões de outros consumidores que já o experimentaram. E, assim, de repente o consumidor que provavelmente usou o telefone para conhecer o produto, também o usa para comparar preços e tomar uma decisão de compra.

Até aqui, já vimos que este equipamento está quase sempre connosco e é utilizado de forma intensa e eclética, o que o torna um alvo preferencial para as marcas comunicarem a sua mensagem.

Em Fevereiro as Apps para Mobile superaram as aplicações para computador, segundo a CNN. Se olharmos para as principais redes sociais, todas elas estão focadas nesta nova área do Mobile.

O Conceito de Mobile é um pouco mais abrangente que apenas o telemóvel, já que inclui os tablets e phablets (nome dado ao formato entre um telemóvel e um tablet).

Em torno do Mobile desenvolveu-se toda uma economia de desenvolvimento de equipamentos, acessórios e principalmente de Apps, que permite a Startups tecnológicas de todo o mundo alcançar sucessos assombrosos antes apenas reservados para empresas já com alguns anos de mercado e com bases muito sólidas.

A todas estas funcionalidades vamos adicionar uma última que nos abre novas portas e novas possibilidades de fazer chegar ao consumidor a informação que ele necessita no momento em que a necessita: A Geolocalização.

Adicionando esta funcionalidade às demais ficamos com uma ferramenta de comunicação e interação muito potente que, quando bem utilizada, potencía tanto a experimentação como a fidelização às marcas e serviços com a possibilidade de enviar mensagens que, por estarem bem contextualizadas, não são vistas pelo consumidor como publicidade mas sim como informação.

Por tudo isto, chamar ao equipamento que usamos todos os dias de telemóvel poderá ser um dos grandes eufemismos dos nossos dias.

Avatar of APPM

APPM

A APPM TV é uma plataforma de TV online especializada em conteúdos de Marketing e Comunicação , que tem como objectivos a produção , a curadoria e a transmissão de conteúdos relevantes para a comunidade de profissionais de marketing portuguesa.
Avatar of APPM

Add a comment

Arquivo

Próximos Eventos

  • Nenhum evento

Assine a Newsletter:

  • Conheça semanalmente todas as ofertas que temos para si.